Carregando... Carregando...
 
Busca Simples

Cartilha da Fundacentro traz medidas de prevenção e controle da Covid-19

Arte: Sarah Magri

Organizações em funcionamento devem desenvolver um plano de ação para prevenir e controlar os riscos de exposição dos trabalhadores ao Sars-CoV-2

Por Serviço de Comunicação Social em 10/07/2020

A Fundacentro lança a cartilha “Prevenção à Covid-19: Orientações para prevenção e controle da Covid-19 nos locais de trabalho”, que traz medidas de prevenção e de controle, além de práticas seguras de trabalho e uso de equipamentos de proteção individual (EPI). O documento mostra como deve ser o planejamento das ações, com orientações para auxiliar na definição dos cenários de exposição e dos riscos existentes.

Para produzir o material, os pesquisadores da instituição se basearam em documentos internacionais: “Guidance on Preparing Workplaces for Covid-19”, da Occupational Safety and Health Administration (OSHA/US), e “Interim Guidance for Businesses and Employers to Plan and Respond to Coronavírus Disease 2019 (Covid-19)”, do Center for Diseases Control and Prevention (CDC/US). A adaptação buscou a harmonização com os aspectos legais e com as normativas técnicas do Brasil. Outras publicações foram consultadas.

Uma das recomendações é que todas as organizações em funcionamento desenvolvam um plano de ação para prevenir e controlar os riscos de exposição dos trabalhadores ao Sars-CoV-2. Para tanto, deve-se relacionar os cenários de exposição. “Isto implica identificar as fontes e os modos de transmissão do vírus, os fatores do ambiente ou da organização do trabalho que aumentam a probabilidade ou a chance de ocorrer a infecção, as medidas preventivas já existentes e os trabalhadores potencialmente expostos”, aponta o texto.

Deve-se analisar cada cenário de exposição, verificando se as medidas de prevenção e de controle existentes são adequadas e quais medidas adicionais são necessárias para reduzir o risco ao menor nível possível. Também é necessário considerar os fatores de risco não ocupacionais relativos à moradia, transporte e comunidade, uma vez que o próprio trabalhador pode atuar como vetor de transmissão da doença.

A cartilha apresenta medidas gerais de precaução e prevenção, políticas e procedimentos para grupos de risco e pronta identificação de pessoas suspeitas, flexibilização da gestão de recursos humanos. Também mostra medidas de controles de engenharia, administrativos e práticas seguras de trabalho, EPI, características e indicações de proteção respiratória.

O material foi elaborado pelos pesquisadores da Fundacentro Eduardo Algranti, Gilmar da Cunha Trivelato e José Marçal Jackson Filho e o tecnologista Rogério Galvão da Silva. A coordenação geral é da gerente de Projetos Estratégicos, Erika Alvim de Sá Benevides.

Compartilhar:

Recomendar Notícia

Recomendar Notícia

É obrigatório o preenchimento dos campos com *

Dados remetente

Dados destinatario

Máximo de 1500 caracteres. Quantidade de caracteres digitados:

Confirmação dos dados - Recomendar essa Notícia

Dados confirmação
Recomendar para outro destinatário

FUNDACENTRO - Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho.
Sede: Rua Capote Valente, Nº 710 - CEP: 05409-002 - SÃO PAULO-SP - BRASIL - CAIXA POSTAL: 11.484 / CEP: 05422-970
Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução total ou parcial sem a permissão da Instituição.